Trilho

Trilho2

Investigações realizadas entre 1997 e 1998 pelo Ministério Público do Tribunal de S. João da Madeira tornaram manifestas realidades e necessidades sociais no domínio dos fenómenos da toxicodependência e seropositividade.

O TRILHO – Unidade de Apoio a Toxicodependentes e Seropositivos, surge em 1999, e constitui-se como equipamento aglutinador de respostas sociais diferenciadas mas complementares entre si. A Equipa de Intervenção Directa (EID) dirige-se a indivíduos utilizadores de substâncias psicoativas, sensibilizando para a mudança de comportamentos, motivando para o tratamento e promovendo a sua integração sócio-profissional, prevendo também o apoio às respetivas famílias.

O Centro de Atendimento e Acompanhamento Psicossocial a pessoas infetadas pelo VIH/SIDA e suas famílias (CAAP) dirige-se a pessoas portadoras do VIH, apoiando-as social e psicologicamente.

 

O Trilho intervém no âmbito psicossocial e comunitário, prestando os seguintes serviços:

1) Motivação para o tratamento, através de apoio psicológico, social e familiar.

2) Encaminhamento e articulação com outras estruturas, nomeadamente Saúde e Segurança Social.

4) Reinserção social e profissional, através da articulação com algumas instituições, nomeadamente o Centro de Emprego, empresas de trabalho temporário, programas de apoio à contratação e outros.

5) Desenvolvimento de projetos de reinserção socioprofissional (espaços ocupacionais e pré-profissionalizantes). Atualmente a desenvolver o projeto “Trapézio com Rede 2”, no âmbito do Programa Operacional de Respostas Integradas (maio 2014 a maio 2016).

6) Prevenção primária em meio escolar, através de um projeto de formação de pares – Nós Jovens.

7) Atividades voltadas para a comunidade, de informação e prevenção, como a comemoração de dias temáticos, campanhas de prevenção/sensibilização.

Ao longo do tempo, foram-se sentindo necessidades de ajustar o tipo de intervenção da resposta a novas questões sociais, tendo desenvolvido projetos em diferentes domínios ligado às pessoas em situação de vulnerabilidade e exclusão social (ex. Oficina Trevo – Inserção Mulher, consulta descentralizada toxicodependência).

CONTACTOS

Rua Oliveira Júnior, n.º 508

3700 – 204 S. João da Madeira

Telefone: 256 837 540

Fax: 256 837 549

trilho@misericordiasjm.org